Скачать презентацию GEOPOLÍTICA E ATUALIDADES Professor Jeferson Geografia 3º Скачать презентацию GEOPOLÍTICA E ATUALIDADES Professor Jeferson Geografia 3º

3375f6418a3514894813dd6ec8363d0b.ppt

  • Количество слайдов: 35

GEOPOLÍTICA E ATUALIDADES Professor: Jeferson Geografia – 3º EM GEOPOLÍTICA E ATUALIDADES Professor: Jeferson Geografia – 3º EM

GEOPOLÍTICA Identificar a disputa de poder (cultural, político, econômico); Entender como se dá a GEOPOLÍTICA Identificar a disputa de poder (cultural, político, econômico); Entender como se dá a disputa de poder; Identificar qual país é uma grande potência mundial. PRINCIPAIS MOTIVOS DOS CONFLITOS Reivindicações nacionalistas; Contestações de fronteiras; Instabilidade política; Disputas de áreas de influência; Religião; Diferenças socioeconômicas; Ações terroristas. Arsenais bélicos.

EVOLUÇÃO DAS VÍTIMAS DAS GUERRAS MILITARES CIVIS 5% 10% 35% 95% Início do século EVOLUÇÃO DAS VÍTIMAS DAS GUERRAS MILITARES CIVIS 5% 10% 35% 95% Início do século XX 65% II Guerra Mundial 90% Conflitos contemporâneos Fontes: Unicef e Save the Children (2004) GUERRAS MAIS URBANAS MAIS TECNOLOGIA PARA PROTEÇÃO DO COMBATENTE RESÍDUOS DE GUERRA (MINAS) ATORES NÃO DEFINIDOS

Palavras-Chave - Migração; - Refugiados; - Fundamentalismo; - Poder de Barganha. Palavras-Chave - Migração; - Refugiados; - Fundamentalismo; - Poder de Barganha.

TRATADO DE NÃO PROLIFERAÇÃO DE ARMAS NUCLEARES O surgimento de armas nucleares em plena TRATADO DE NÃO PROLIFERAÇÃO DE ARMAS NUCLEARES O surgimento de armas nucleares em plena Guerra Fria; A limitação do crescimento de armas nucleares; A ratificação do documento por 187 países; Os EUA, China, Reino Unido, França e Rússia foram as maiores potências nucleares que se comprometeram a não utilizar nem transferir armas nucleares para outros países, ou mesmo ajudar a adquiri-las; A Coreia do Norte retirou-se do tratado em 2003; Índia, Paquistão, Israel e Irã não fazem parte do tratado.

CONFLITOS NA ÁSIA CONFLITOS NA ÁSIA

GOLFO PÉRSICO Imagem: Middle-east / W 123 / Creative Commons Attribution 3. 0 Unported GOLFO PÉRSICO Imagem: Middle-east / W 123 / Creative Commons Attribution 3. 0 Unported Uma das mais estratégicas regiões do globo: a área concentra os maiores campos petrolíferos do mundo. Os países que o margeiam têm 35% da produção mundial e cerca de 70% das reservas.

Através dele é realizado a maior parte do escoamento do petróleo do Golfo: 60% Através dele é realizado a maior parte do escoamento do petróleo do Golfo: 60% do petróleo consumido pelo ocidente. Os Emirados Árabes disputam esse território com o Irã. Observe no mapa a localização do estreito identificado conforme legenda. 1 1 1 Estreito Ormuz de Imagem: Middle-east / W 123 / Creative Commons Attribution 3. 0 Unported ESTREITO DE ORMUZ

JUDEUS X PALESTINOS Direito Histórico X Direito de Fato Diáspora Judaica Movimento Sionista Criação JUDEUS X PALESTINOS Direito Histórico X Direito de Fato Diáspora Judaica Movimento Sionista Criação do Estado de Israel, em 1948, pela ONU.

Principais conflitos • Expansão das Fronteiras: Em 1949, Israel vence guerra árabe-israelense e expande Principais conflitos • Expansão das Fronteiras: Em 1949, Israel vence guerra árabe-israelense e expande fronteiras.

Principais conflitos • Em maio de 64, durante o 1° Congresso Nacional Palestino, realizado Principais conflitos • Em maio de 64, durante o 1° Congresso Nacional Palestino, realizado em Jerusalém, surgiu a Organização Para a Libertação da Palestina, OLP.

Principais conflitos • Guerra dos Seis Dias (1967): Os israelenses, com o auxílio logístico Principais conflitos • Guerra dos Seis Dias (1967): Os israelenses, com o auxílio logístico dos Estados Unidos, atacaram de surpresa o Egito, a Síria e a Jordânia, que preparavam uma ofensiva conjunta contra Israel. Em algumas horas, praticamente toda a aviação dos países árabes foi destruída ainda no solo, antes mesmo de ser utilizada. Com esse desfecho militar, o clima de tensão aumentou em toda a região. A Al-Fatah e outros grupos radicais intensificaram os ataques contra alvos israelenses.

Resultado: Resultado:

Principais conflitos • Guerra de Yom Kippur (1973 – dia do perdão): O Egito Principais conflitos • Guerra de Yom Kippur (1973 – dia do perdão): O Egito e a Síria iniciaram um ataque militar surpresa, atingindo os postos israelenses. Os Árabes iniciaram a guerra com uma grande vantagem, afinal, haviam pegado os israelenses de forma inesperada. Simultaneamente com essa ofensiva, os sírios se organizavam para invadir o território judeu por meio das Colinas de Golã. Mesmo pego de surpresa, e estando sozinho contra os dois países, Israel consegue contra-atacar, o que fez com que outra vez os árabes saíssem derrotados de mais uma guerra.

Anos 80 e 90 • Em 1978, o governo palestino, liderado por Yasser Arafat, Anos 80 e 90 • Em 1978, o governo palestino, liderado por Yasser Arafat, aceita iniciar as negociações para a coexistência pacífica com Israel. • Uma dissidência radical do partido de Arafat (Fatah), não aceita esta decisão e cria uma nova organização, o Hamas. • Entre 1987 e 1993, palestinos se sublevaram contra o estado de Israel em uma série de protestos violentos caracterizados pelo uso de armas simples, como pedras e paus, episódio que ficou conhecido como Intifada.

Séc. XXI • Em 2000, teve início uma nova rebelião popular palestina contra Israel, Séc. XXI • Em 2000, teve início uma nova rebelião popular palestina contra Israel, a chamada “segunda intifada”. • A partir de 2002, intensificam-se os atentados terroristas e ataques suicidas organizados por grupos extremistas contra Israel. Como consequência, os israelenses invadiram áreas palestinas autônomas e cercaram a sede de Arafat em Muqata, onde o líder palestino permaneceu até sua morte, em 2004.

Atualmente Atualmente

2014 – De Julho a Agosto CONFLITO: Israel X Hamas 2014 – De Julho a Agosto CONFLITO: Israel X Hamas

Linha do Tempo Linha do Tempo

Governantes - Atual Mahmud Abbas/Palestina Benjamin Netanyahu/Israel Governantes - Atual Mahmud Abbas/Palestina Benjamin Netanyahu/Israel

IRAQUE Em 1980, o Iraque invadiu o Irã; Em 1990, o Iraque invadiu o IRAQUE Em 1980, o Iraque invadiu o Irã; Em 1990, o Iraque invadiu o Kuwait e o anexou; Em 1991, uma coalizão de países invadiu o Iraque, terminando com a sua derrota; Em 2003, EUA invadiu o Iraque e logo derrubou Saddam Hussein; Forças ocupantes X Rebeldes X Resistência iraquiana. Hoje: Domínio do Estado Islâmico.

Síria • No começo de 2011 eram poucos grupos de oposição protestando contra o Síria • No começo de 2011 eram poucos grupos de oposição protestando contra o regime de Bashar al. Assad; • Hoje são vários os atores envolvidos diretamente nos confrontos que já deixaram mais de 500 mil mortos. • Há 5 milhões de refugiados, 1/4 da pop. do país.

IRÃ Em 1979, o clero fundamentalista xiita assume o poder; Minoria reformista; Compõe o IRÃ Em 1979, o clero fundamentalista xiita assume o poder; Minoria reformista; Compõe o Eixo do Mal; Em 2004, anunciou o fim do programa nuclear; Em 2006, Bush ameaçou o país, exigindo que se submetesse às inspeções da ONU, sendo recusado pelo ex-presidente Ahmadinejad; 2016, Assina um tratado para reduzir seu projeto nuclear em troca da redução das sanções econômicas.

O povo curdo luta para a criação de um território. Hoje sofre a perseguição O povo curdo luta para a criação de um território. Hoje sofre a perseguição do EI. AFEGANISTÃO Imagem: Kurdish 86 / Public Domain A QUESTÃO CURDA Predomina a população muçulmana; Em 1979, sofreu invasão dos soviéticos, que não conseguiram vitória; Em 1995, a milícia Taleban conseguiu o poder; Os EUA, após o 11 de Setembro, exigiram que os líderes talebans entregassem o cabeça da Al Qaeda; Tropas lideradas pelos EUA iniciaram uma ofensiva ao Afeganistão; Em 2002, a milícia foi deposta. 2015, Devido a fragilidade do país, os talebans voltam a dominar algumas áreas do território.

ÍNDIA X PAQUISTÃO MOTIVOS DO CONFLITO Independência da Índia, em 1947, da coroa britânica; ÍNDIA X PAQUISTÃO MOTIVOS DO CONFLITO Independência da Índia, em 1947, da coroa britânica; Divisão em dois países: Paquistão (muçulmana) e Índia (hindu); Domínio indiano da Caxemira, de maioria muçulmana e reivindicação de sua posse pelos paquistaneses. Imagem: Kashmir / Visimpson / GNU Free Documentation License Sob pressão internacional, os dois países deram início a negociações.

CONFLITO NA RÚSSIA Cáucaso Imagem: Chechenya and Caucasus / Kbh 3 rd / GNU CONFLITO NA RÚSSIA Cáucaso Imagem: Chechenya and Caucasus / Kbh 3 rd / GNU Free Documentarion License Região entre o mar Cáspio e o Mar Negro; Antiga URSS – Vários grupos étnicos; Regiões buscam maior autonomia ou mesmo o separatismo; Rússia quer manter o domínio, devido a riqueza mineral; Mar Cáspio – Grandes reservas de Gás Natural e Petróleo; Mar Negro – Rota dos hidrocarbonetos para chegar a Europa Ocidental.

Coreia do Norte - Atualmente • Com o fim da guerra, as duas Coreias Coreia do Norte - Atualmente • Com o fim da guerra, as duas Coreias permaneceram divididas e os conflitos geopolíticos continuaram, embora não fossem mais para a área militar. • Atualmente a Coreia do Norte permanece com o regime comunista, enquanto a Coreia do Sul segue no sistema capitalista. • Desde 2013 - Coreia volta a ameaçar EUA e os vizinhos do sul – desenvolvimento de armas químicas de longo alcance – Recebe muitas sanções econômicas; • Motivo: Seria contra a supremacia capitalista EUA pelo mundo.

CONFLITOS NA EUROPA CONFLITOS NA EUROPA

O CONFLITO BASCO Região Autônoma da Espanha; Identidade Cultural, autonomia Política; busca Presença do O CONFLITO BASCO Região Autônoma da Espanha; Identidade Cultural, autonomia Política; busca Presença do grupo separatista ETA (Pátria Basca e Liberdade); O grupo já foi considerado terrorista, porém nos últimos anos não tem praticado ataques; Governo espanhol é reticente, pois é uma região rica industrialmente.

O CONFLITO NA CATALUNHA Região Autônoma da Espanha; Identidade Cultural, independência política; busca Em O CONFLITO NA CATALUNHA Região Autônoma da Espanha; Identidade Cultural, independência política; busca Em out/2017, irá ocorrer um referendo para a população decidir seu futuro; Governo espanhol é reticente, pois é uma região rica industrialmente; Madrid deixa de enviar recursos para o governo Catalão, para não financiar o referendo.

CONFLITO NA IRLANDA DO NORTE Desde a independência da República da Irlanda (Eire), os CONFLITO NA IRLANDA DO NORTE Desde a independência da República da Irlanda (Eire), os vizinhos do norte; Norte (protestante) X Sul (católico); 2 3 4 1 Legenda: (1) Inglaterra (2) Escócia (3) Irlanda do Norte (4) Irlanda A Irlanda do Norte (Ulster) enfrenta protestos dos católicos que gostariam de se unir ao Eire; Desde os anos 1970, temos a presença do grupo IRA (Exército Republicano Irlandês) que praticou uma série de atentados pela sua causa. Nos últimos anos não tem praticado ataques.

IUGOSLÁVIA – REGIÃO DOS BALCÃS O Estado Iugoslavo constituía-se de seis repúblicas (Eslovênia, Croácia, IUGOSLÁVIA – REGIÃO DOS BALCÃS O Estado Iugoslavo constituía-se de seis repúblicas (Eslovênia, Croácia, Bósnia e Herzegovina, Montenegro, Sérvia e Macedônia, além de duas províncias (Voivodina e Kosovo – hoje independente); Liderada pelo comunista de origem craota, Josip Broz - Marechal Tito, que defendia a igualdade étnica e nacional. Com a sua morte, em 1980, deu início ao enfraquecimento do estado socialista e permitiu que os conflitos nacionalistas e religiosos retornassem. Em 1989, por meio de eleições livres para presidente da Sérvia, foi eleito Slobodan Milosevic, antigo líder do PC iugoslavo. Este, tentou de todas as formas manter o sistema. Foi condenado em 2006, pelo tribunal da ONU – Haia – por práticas genocidas. No mesmo ano, foi encontrado morto em sua cela; Em 2008, Kosovo se torna um país.

UCR NIA • A crise política-ideológica inicia em nov/2013, quando o ex-presidente Victor Yanukovych UCR NIA • A crise política-ideológica inicia em nov/2013, quando o ex-presidente Victor Yanukovych decidiu não assinar um acordo com a UE; • A população da Capital e de cidades do oeste da Ucrânia se revoltam contra o governo. Pouco tempo depois, o governo é deposto e instalado um governo provisório; • Em março de 2014, ocorre um referendo na Criméia (Região Autônoma da Ucrânia) que decide passar a pertencer a Rússia; • A partir disso, outras áreas do leste do país começam a apresentar grupos rebeldes pró-Rússia, onde defendem sua anexação a Rússia; • Em maio de 2014, novas eleições elegem Petro Poroshenko – pró- UE – e as negociações com a UE são retomadas.